right_side

Quem sou eu

Minha foto
Às vezes sou o que invento Às vezes sou o que não quero ser Às vezes sou poeira que aparece com o tempo Às vezes sou a pedra onde topas sem querer Ainda estou somente só Ainda ando com meus passos inseguros Ainda me encolho quando sinto dor Ainda choro quando tenho medo do escuro Sou uma bailarina que não dança nem nada Sou uma menina que ainda não cresceu Sou quem passa muitas noites acordada Sou quem acorda quando o sol já se perdeu

Por outros lugares.

MSN: a_bailarin_a@hotmail.com

ORKUT: A Bailarina


TWITTER:
@nessie_dantas

Recomendo

Seguidores

terça-feira, outubro 20, 2009

Só para ouvintes dispostos!



Sabe aqueles dias em que você só tem vontade de ficar em casa vendo um bom filme e comendo todas aquelas besteiras que muita gente evita pra não ficar gorda?
Pois é! Estou num desses dias. Estou desesperada pra assistir um bom filme acompanhada de um enorme pote de sorvete, pipoca, doces, morango e chocolate. São aqueles dias em que você está ou carente ou sobrecarregado – ou os dois.
Não adianta sair por aí miserando uma companhia e também não ‘tou’ a fim de sair sozinha. O melhor que eu posso fazer por mim é me entupir de guloseimas e aproveitar um bom filme. - Talvez não seja tecnicamente o melhor pra mim, mas ao menos me deixará feliz. Porque se tem uma coisa que me deixa feliz é comer, então vamos lá!!
Eu já estou meio fadigada de algumas coisas. Às vezes você cansa de sempre ter aquelas mesmas conversas, ir sempre aos mesmos lugares, tocar sempre as mesmas musicas... – sim, tocar é importantíssimo! - Não vou falar muito de cansaço pra não me tornar repetitiva. Por que ouvir esse blábláblá uma vez até vai, mas duas é dose.
O fato é que de uns tempos pra cá tenho me feito muitas perguntas, tenho pensado bastante sobre muitas coisas - até demais pro meu gosto – e concluí que não adianta tentar entender certas atitudes. Essas coisas que você não pode controlar, não vão mudar. Talvez até mudem, mas não acredito que sejam melhoras. É uma coisa complicadinha pra se ficar pensando muito. Minha mente já está pedindo socorro, meus olhos precisam ver coisas melhores, minha boca precisa sentir e falar coisas boas... EU preciso melhorar um pouco. Certo que ficando trancada em casa me entupindo de besteiras talvez não resolva, mas eu tenho esperanças de que isso me deixe ao menos mais leve. – Comer muito não deixa ninguém mais leve, mas vocês entenderam.
Eu precisava colocar todas essas coisas pra fora. Precisava dizer isso pra alguém, claro que alguém que esteja disposto a ouvir, porque ninguém merece dizer isso tudo e receber um fora.
Então é isso... Obrigada por me ‘ouvirem’ - pra quem não gostou, desculpa, mas esse post também não foi pra você.


22 comentários:

  1. se intupir de guloseimas assistindo filme = all

    *_*

    ResponderExcluir
  2. Passou por aqui um ouvinte disposto. E ele (ou)viu!

    ResponderExcluir
  3. Só vc pra fazer um post assim e bombar.. uhasuahuahs.

    PS: Sempre que precisar, estarei aqui pra te ouvir.

    Bjos..

    =*

    (Ainda bem q eu errei o coments duas vezes. aff '--)

    ResponderExcluir
  4. tb fui um ouvinte disposto. e na próxima vez, me avisa que levarei um pote de sorvete, ou uma cerveja, ou uma cartela de cigarro.
    eu também tenho esses dias. hoje, por exemplo

    ResponderExcluir
  5. Adoro ouvir...então solte os versos,melhor os verbos, sou toda ouvidos...esses são os dias que deixamos crescer o espírito...eu penso...abç

    ResponderExcluir
  6. ' Tão simples e descritivo hiohiohio..
    Pareceu até narrar certos dias meus..
    Dias de silêncio, ou trilhas sonoras de filmes..
    Alguns toques soltos no piano..

    Este post foi para mim..Pois muito gostei!

    :D

    ResponderExcluir
  7. ahh

    q droga

    nunca faço um comentário r0x
    qndo eu faço, da erro e apaga tudo
    agora num lembro o q eu escrevi
    porem
    ficou r0x
    e eu sei como é essas paradas ae.
    to falando igaual marginal
    facepalm
    vo parar aqui
    =*

    ResponderExcluir
  8. Primeiro quero agradecer a todos os elogios.
    Sinceramente, nem sei o que sinto quando leio os comentários no meu blog. um misto de felicidade com surpresa, eu escrevo e nunca imagino que vai surtir tanta emoção.

    Li seu comentário e quem se emocionou fui eu.
    até colei pra um amigo no msn, porque fiquei tão surpresa, e feliz, que tive que compartilhar, rss.

    Tenho prazer em recebe-la no meu canto, pra bailar sempre que quiser.com pés tortos ou não.com ritmo ou não.

    ah, e também adoro Tiê.

    Beijooos flor!

    ResponderExcluir
  9. fiquei extremamente feliz com seu comentário em meu blog!
    sem palavras para agradecer! mesmo!!!!

    obrigado e é recíproco!

    bjs!

    ResponderExcluir
  10. Dias iguais em corpos diferentes...
    Também me encontro várias vezes por estes campos.. Sem ter muito o que escrever no meu diário..
    Mas.. por esses dias.. este post está sendo pra mim.. ;)
    Adorei.. grato.. abraço..

    ResponderExcluir
  11. Entendo perfeitamente esses sentimentos e vontades. No meu caso eu faço um pacote de pipoca e tomo uma garrafa daquelas de um litro de coca inteira.
    Nada disso resolve nada, claro, mas às vezes é bom fazer alguma coisa que vc goste de fazer assim, ou fazer algo que vc goste de fazer com outras pessoas, tipo um cinema ou um café, sozinho, se for a única opção. Os outros falam que é muito depressivo e blablabla, mas eu me sinto ótimo fazendo coisas assim.

    ResponderExcluir
  12. Sei muito bem o que é um momento desses de carência... rsrs aliás, a parte da comida eu 'sabia' pq agora tô na fase de queimar os quilinhos que esses momentos proporcionaram... rsrs

    Obrigada pelo comentário lá no Tocou linda, e brigadão pelo toque sobre o erro no Rayos de Luna, já corrigi, seja bem vinda por lá qdo quiser comentar... Beijão!

    ResponderExcluir
  13. as coisas q não controlamos tem um jeito estranho de se rearranjar...
    e nada mais justo e necessário do q se permitir um descanso...

    mas cuidado. Os açucares e a solidão viciam.

    bom mesmo é desabafar e vc já tem as palavras.
    bjs

    ResponderExcluir
  14. meio clichê falar q tb t ouvi... mas assim, foi tão gostoso q fiquei morrendo de vontade das delicinhas q vc deve ter comido....

    nhaaame ;>

    muito bacana sua catarse , continue sempre por aí bailando.

    ResponderExcluir
  15. Muitas coisas dentro de vc, uma voz por exemplo, um oi daqui outro dali, te dão uns toques. Mas vc tá chateada.. Não dá muita bola... Mas tudo bem, normal. Vc quer algo para pensar, algo que valha apena. Hummm. Por causa do que disse Neste post), e porque também tenho seguido uma linha, de ser e pensar, mais coerente com o que a Alma deseja, tenho escritos em meu blog certas coisas interessantíssimas!!!! Dê uma olhadinha lá.
    O nosso desejo de querer fazer parte de Algo muito Maior por exemplo ( e que fazemos, mas não sabemos), e a realidade de termos ou não conciência do que nossa alma deseja. Pretendo nesses dias falar sobre esss coisas, mas algo já foi escrito lá.

    Mó normal sentir o que escreveu. Mó chato também...! Mas faz parte.
    Até quando?

    ResponderExcluir
  16. Olá ! estou passando por aqui para te convidar a seguir o blog Daniella Para Sempre,em homenagem a nossa estrelinha Daniella Perez.. É um blog lindo,e tenho certeza que você irá adorar,visite e siga..

    PS:Nesse perfil,como vc encontrará mais de um blog,passo então diretamente o link :
    daniellaparasempre.blogspot.com

    Um forte abraço !

    ResponderExcluir
  17. Vou postar de novo. O que escrevi soou meio coisa de profeta..., tá meio embolado.

    Seguinte: vc num tava legal qundo postou? Tava de saco cheio de como tá levando sua vida? Se preocupe não: faz parte! Tenho certeza que em pouco tempo as coisas mudarão, exatamente por vc estar tomando conciência da uma situação estagnada em que, neste momento, vc se encontra.
    Entre na vida, como um pequeno efluente entra, tranquilamente, num rio; deixando-o mais alegre e cheio.
    Mas também pode ser que estivesse num estado de espírito passageiro..., essas coisas acontecem.

    ResponderExcluir
  18. Vejamos pelo lado bom: Morango não faz mal à saúde! Haha... Esquece isso. O que faz mal é o que nos faz bem. - Esquece de novo.

    Beeijo!

    ResponderExcluir
  19. Venho e concedo tal honra.
    Você e suas provocações, Vanessa.
    Ressignifico seus signos...

    Continuemos...

    ResponderExcluir
  20. Não se desespere nos momentos dificeis.A maior motivação que podemos ter na dificildade é a esperança de dar a volta por cima no que somos bons.E se vc não se sente boa em nada é pq ainda não descobriu ou não se acha boa.

    Por isso insista,persista no que acredita.

    =*

    ResponderExcluir