right_side

Quem sou eu

Minha foto
Às vezes sou o que invento Às vezes sou o que não quero ser Às vezes sou poeira que aparece com o tempo Às vezes sou a pedra onde topas sem querer Ainda estou somente só Ainda ando com meus passos inseguros Ainda me encolho quando sinto dor Ainda choro quando tenho medo do escuro Sou uma bailarina que não dança nem nada Sou uma menina que ainda não cresceu Sou quem passa muitas noites acordada Sou quem acorda quando o sol já se perdeu

Por outros lugares.

MSN: a_bailarin_a@hotmail.com

ORKUT: A Bailarina


TWITTER:
@nessie_dantas

Recomendo

Seguidores

sábado, junho 12, 2010

Sentimental


“Se ela te fosse direta, você a rejeitaria” (Sentimental – Los Hermanos) ♫♪♫

Não fui tão honesta quanto pensavas. Não te falei todas as verdades que quis. Só as que não seriam capazes de me comprometer. Não sei se fiz certo, nem mesmo vou saber. Não tenho a mesma coragem que supões que eu tenha. É uma pena...
Quando fiquei muito tempo encarando o chão, eu quis encarar seus olhos por mais alguns minutos. Quando fiquei tempo demais segurando aquela embalagem de chocolate, eu quis na verdade segurar suas mãos. Quando passei tanto tempo te falando de como aquele carinha que passava na TV era idiota, eu só queria te dizer tudo o que sinto por você. Queria te contar que tenho me escondido pra não ter que fraquejar quando estivesse tão perto de você. Queria te contar que desviei seus olhares por tantas vezes, porque não tinha coragem pra encará-los. Quis também te dizer que te quero mais do que você imagina... Mas não disse...


.

9 comentários:

  1. Olá Moça do balé mais lindo!
    Gosto muito daqui como deve se lembrar, e não diferente das outras vezes, gostei muito do escrito.
    Bem elaborado, intenso e simples.

    Grande Beijo

    ResponderExcluir
  2. pois é, todo mundo tem seu lado sentimental... e para todos, é o mais exagerado.

    ResponderExcluir
  3. Acho que vc descreveu o que eu ia ter que dizer, um dia.
    Ameiii.

    ResponderExcluir
  4. Ai ai...!
    Isso é tão complicado...!
    Também tenhu deixadu de dizer algumas coisas...!

    ResponderExcluir
  5. "Quis também te dizer que te quero mais do que você imagina... Mas não disse..."
    O que não sei dizer é mais importante do que o que eu digo.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Acho que não foi medo,apenas não era o medo certo. O amor é assim, confuso.Também amo ballet,beijos

    ResponderExcluir
  8. Como sempre, muito lindo o seu blog!
    Quando puder, dê uma passadinha no meu. Obrigada.

    ResponderExcluir